Domingo, 10 de Agosto de 2008

Centro de saúde: Um dia "normal"

Decidi ir novamente há médica de familia, depois de uma vez não me ter atendido e depois de outra vez ter faltado há consulta.

O psiquiatra que me atendeu no hospital deu-me uma carta para mostrar há dita cuja, logo decidi ir às vagas ver se tinha sorte. Como disse que não tinha medicação a médica mandou dizer que passava a receita e eu no fim de tarde passava lá, mas como tinha que pagar o preço da consulta e já que queria falar com ela disse que queria ter consulta.

 

Pois estraguei tudo...pelos vistos a mulher precisava de sair mais cedo e não gostou nada

Conclusão, fui mal atendida, aliás eu até sinto que fui humilhada...


Mal entrei a médica já estava de trombas

Eu- Boa tarde tenho aqui a carta pr a doutora ver...

Médica- Já vi essa carta duas vezes!

Eu- Pois mas ainda não me disse nada....

Médica- Voçês gostam muito de estar aqui toda a tarde há espera

Eu- Eu não me estou a queixar doutora

Médica- Gostam muito de vir às vagas

Eu- Mas eu já tinha marcado consulta mas a doutora não apareceu

Médica- Quando está doente vai trabalhar???

Eu-A questão não é essa é que eu precisava de falar consigo, o psiquiatra...

Médica- Pois psiquiatra, eu não sou PSIQUIATRA

Eu- Mas já agora explique porque é que não podia ter vindo a uma consulta

Médica- Não explico nada e mais a mais não tinha consulta. Aqui está a receita

Eu- Então é isto que me vai curar a depressão?

Médica- É medicação nove meses e mais nada

Eu- Então obrigado e boa tarde

Médica- .....


Depois disto sair disparada e desatei numa choradeira...devia ter feito uma reclamação, mas a cabeça naqueles momentos não pensa, aliás a minha já anda a pensar muito mal.

Não lhe consegui perguntar nada, se posso ou não engravidar com esta medicação, não lhe consegui pedir um para ir para as consultas de psiquiatria do hospital, nada..


E a depressão continua aqui, sinto-me inútel, continuo ansiosa, só de pensar em estar com alguém fico nervosa...e estou sem médica de familia ( porque nunca mais ponho lá os pés) e sem psiquiatra.

 


 

 

 

publicado por motherlove às 21:18
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Su a 10 de Agosto de 2008 às 23:32
Tem calma. As depressões são mesmo assim querida. E infelizmente os médicos dos centros de saúde também.
Manda-me mail e diz-me tudo o que estás a tomar (sufiland@gmail.com).

Estamos aqui para ti.
Muitos miminhos
Susana
De Nikas a 11 de Agosto de 2008 às 08:54
mas que medica idiota.. na minha zonaaconteçe o msm, mas as pessoas cansaram-se de reclamar... mas compreende-s que existe pessoas capazes de tirar um medico do serio (não é o seu caso), mas conheço pessoas que por uma dorzinha no tornozelos invadem o centro d saude para tentar uma consulta, e vejo crianças desesperadas, doente a serem afastadas para tras, por causa das Codrilheiras... bem, mas isto não interessa.... tens de ser forte, pensar que dias melhores virão!!

Boa Sorte Beijinho :)***
De Drikas a 11 de Agosto de 2008 às 14:52
Oh minha linda, infelizmente sei bem o que é lidar com esse tipo de médicas saimos de lá de rastos e um pouco confusas, sem saber o que fazer, por isso tb nunca fiz nenhuma reclamação por escrito, apesar de já ter alguns motivos para o fazer.. Parece que nos querem obrigar a pagar as consultas no privado essas bruxas! Não te deixes abater ainda mais por isso. Força nesse namoro para conseguires o teu feijãozinho... Bjokinhas

Comentar post

.Eu sou assim...

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Update

. Desabafo

. Férias

. Centro de saúde: Um dia "...

. Aquarela

. Sexta Feira 13

. Boas noticias

. Dois anos ...

. ...

. Incertezas

.arquivos

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds